Cristian Budu em São Paulo


Compartilhe!

Mais badalado pianista brasileiro da atualidade, Christian Budu encerra, no próximo dia 4 de dezembro, diversificada programação musical do projeto Música de Câmara, no Teatro Opus


Cristian Budu, que recentemente foi atração do Festival de Verbier, o mais importante evento de música clássica da Europa, interpretará programa intitulado “O Romantismo e suas dualidades” tendo obras de Chopin, Beethoven, Schumann e Liszt.

Christian Budu - Teclas & Afins

O projeto Música de Câmara chega a quinta e última sessão da sua diversificada programação musical no Teatro Opus, palco multiuso que abriga shows, artes cênicas, palestras, encontros corporativos, que ratificou como excelente opção para sala de concertos em São Paulo.

O encerramento fica por conta do talentoso pianista Cristian Budu, que interpretará programa intitulado “O Romantismo e suas dualidades” tendo como destaque obras de Chopin, Beethoven, Schumann e Liszt.

O concerto acontece no próximo dia 4 de dezembro, a partir das 20h30. Os ingressos custam a partir de R$ 20 e estão à venda em Uhuu.com. Mais informações no serviço abaixo.

Recentemente, Budu tocou com a OSESP, na Sala São Paulo, no entanto, agora, ele se apresentará num recital solo especial. O artista tocará dificílimo programa, que exige musicalidade profunda e virtuosismo preciso, além de conversar com a plateia, explicando essas dualidades presentes na vida e na obra desses compositores. Algo superinteressante para o público.

Cristian Budu é o mais badalado pianista brasileiro da atualidade. Em julho, foi convidado para tocar no Festival de Verbier, na Suíça, que é considerado o mais importante festival de música clássica da Europa. Depois disso, voltou à Suíça para outros concertos, inclusive de música de câmara, com os mais importantes artistas do momento.

Filho de imigrantes romenos, o paulista de 31 anos, nascido em Diadema, estuda 12 horas por dia e, antes de ganhar destaque internacional, viajou pelo Brasil, dando recitais solo ou tocando com orquestras. Seu grande mentor é Nelson Freire, a estrela maior do piano brasileiro. Na música de câmara, toca ao lado de Antônio Meneses, brasileiro considerado um dos maiores violoncelistas do mundo.

O programa completo de “O Romantismo e suas dualidades” é o seguinte:
Chopin – Preludios op. 28: nos. 1, 2, 3, 4, 7, 8, 10, 11, 15, 16, 17, 18, 23, 24.
Beethoven – Sonata op. 57 “Appassionata”
Schumann – Kreisleriana op. 16
Liszt – Valsa Mephisto n.1


Música de Câmara

De setembro a dezembro, o Teatro Opus recebeu programação rica e diversa em iniciativa que tem como objetivo tornar a música de concerto acessível ao público. No programa obras de Mozart, Piazzolla, Strauss, Villa-Lobos, entre mais clássicos e contemporâneos.

As apresentações têm preços populares – R$ 40 (inteira) e R$ 20,00 (meia-entrada). Além das apresentações, os músicos também irão conversar com o público, discorrer sobre obras e sonoridades dos diferentes instrumentos de forma descontraída e informal. “Pretendemos atrair um público diferenciado, tornando a música de câmara mais acessível, mesclando a profundidade e a leveza. É fundamental garantir espaços para a música de concerto em São Paulo”, declara Sergio Melardi, curador do projeto.

A programação teve inicio no dia 17 de setembro com o quarteto de violões Quaternaglia. No dia 1 de outubro foi a vez do quinteto de clarinetes Sujeito a Guincho. No dia 29 de outubro houve um programa exclusivo dedicado a Beethoven. Em 21 de novembro, o Quarteto Carlos Gomes dedicou a interpretação de Piazzolla, Guinga e Debussy. E, finalmente, dia 04 de dezembro, Cristian Budu interpreta programa variado.

“O conceito está muito bem embasado devido a força das obras, suas dramaticidades e sonoridades”, reflete Melardi. Entre os grupos que irão se apresentar estão vencedores do Prêmio Bravo 2018 na categoria melhor CD de Música Erudita, como é o caso do Quarteto Carlos Gomes, e o aclamado pianista Cristian Budu. O público ainda terá a oportunidade de apreciar músicos com sólida discografia, timbres, expressividade e versatilidade inconfundíveis.

O projeto pretende apresentar a variedade e a riqueza da música de câmara. Os concertos contarão com atmosfera abrangente no que diz respeito a escolha do repertório. O repertório será diferenciado, com obras reconhecidas que vão do popular ao clássico, atrativos de se ouvir e se sentir. “Serão encontros dinâmicos, com muita interação entre os artistas e o público, algo informal, encantador e cheio de significados”, revela Melardi, que também fará parte de uma das apresentações em celebração a três obras de Beethoven.

Duração: 90 min.
Classificação: Livre


SERVIÇO

Christian Budu Teatro Opus

Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, e Grupo Zaffari apresentam
PROAC – Lei de Incentivo à Cultura do Estado de São Paulo
Patrocínio: Záffari
Curadoria: Sérgio Melardi
Produção: Opus Promoções
Realização: Interarte Produções Artísticas, Governo do Estado de São Paulo e Secretaria da Cultura

Dia 04 de dezembro
Quarta-feira, às 20h30
“O Romantismo e suas dualidades”

PROGRAMAÇÃO:
Chopin – Preludios op. 28: nos. 1, 2, 3, 4, 7, 8, 10, 11, 15, 16, 17, 18, 23, 24.
Beethoven – Sonata op. 57 “Appassionata”
Schumann – Kreisleriana op. 16
Liszt – Valsa Mephisto n.1
SERVIÇO:

Sessões
DATA HORÁRIO
17/09, terça-feira 20h30
01/10, terça-feira 20h30
29/10, terça-feira 20h30
21/11, quinta-feira 20h30
04/12, quarta-feira 20h30

Ingressos
SETOR MEIA-ENTRADA INTEIRA
Plateia Baixa R$ 20,00 R$ 40,00
Plateia Alta R$ 20,00 R$ 40,00
Balcão Nobre R$ 20,00 R$ 40,00

*Política de venda de ingressos com desconto: as compras poderão ser realizadas nos canais de vendas oficiais físicos, mediante apresentação de documentos que comprovem a condição de beneficiário. Nas compras realizadas pelo site, a comprovação deverá ser feita no ato da retirada do ingresso na bilheteria e no acesso à casa de espetáculo;
** A lei da meia-entrada mudou: agora o benefício é destinado a 40% dos ingressos disponíveis para venda por apresentação. Veja abaixo quem têm direito a meia-entrada e os tipos de comprovações oficiais em São Paulo:

  • IDOSOS (com idade igual ou superior a 60 anos) mediante apresentação de documento de identidade oficial com foto.
  • ESTUDANTES mediante apresentação da Carteira de Identificação Estudantil (CIE) nacionalmente padronizada, em modelo único, emitida pela ANPG, UNE, UBES, entidades estaduais e municipais, Diretórios Centrais dos Estudantes, Centros e Diretórios Acadêmicos. Mais informações: www.documentodoestudante.com.br
  • PESSOAS COM DEFICIÊNCIA E ACOMPANHANTES mediante apresentação do cartão de Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social da Pessoa com Deficiência ou de documento emitido pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), que ateste a aposentadoria de acordo com os critérios estabelecidos na Lei Complementar nº 142, de 8 de maio de 2013. No momento de apresentação, esses documentos deverão estar acompanhados de documento de identidade oficial com foto.
  • JOVENS PERTENCENTES A FAMÍLIAS DE BAIXA RENDA (com idades entre 15 e 29 anos) mediante apresentação da Carteira de Identidade Jovem que será emitida pela Secretaria Nacional de Juventude a partir de 31 de março de 2016, acompanhada de documento de identidade oficial com foto.
  • JOVENS COM ATÉ 15 ANOS mediante apresentação de documento de identidade oficial com foto.
  • DIRETORES, COORDENADORES PEDAGÓGICOS, SUPERVISORES E TITULARES DE CARGOS DO QUADRO DE APOIO DAS ESCOLAS DAS REDES ESTADUAL E MUNICIPAIS mediante apresentação de carteira funcional emitida pela Secretaria da Educação de São Paulo ou holerite acompanhado de documento oficial com foto.
  • PROFESSORES DA REDE PÚBLICA ESTADUAL E DAS REDES MUNICIPAIS DE ENSINO mediante apresentação de carteira funcional emitida pela Secretaria da Educação de São Paulo ou holerite acompanhado de documento oficial com foto.
    *** Caso os documentos necessários não sejam apresentados ou não comprovem a condição do beneficiário no momento da compra e retirada dos ingressos ou acesso ao teatro, será exigido o pagamento do complemento do valor do ingresso.
    ATENÇÃO: Não será permitida a entrada após o início do espetáculo.

Capacidade: 751 pessoas
Acesso para deficientes

Estacionamento:
Self
Período Valor
Até 2h R$13,00
2h a 3h R$16,00
3h a 4h R$19,00
4h a 5h R$22,00
5h a 6h R$28,00
6h a 7h R$34,00
Demais horas R$3,00

Valet
Período Valor
Até 1h R$18,00
Demais horas R$12,00

Horário de funcionamento:
Segunda a sexta: 10h às 22h (ou até o final do espetáculo)
Domingos e feriados: 10h às 22h (ou até o final do espetáculo)

Formas de pagamento: dinheiro e cartões de crédito e débito informadas no local de pagamento. Taxa de perda do cartão de estacionamento, será cobrado valor de estadia/ pernoite, conforme horas descritas nas tabelas. Tempo de tolerância de 15 minutos somente para self

CANAIS DE VENDAS OFICIAIS:
BILHETERIA OFICIAL – SEM TAXA DE SERVIÇO
Local: Foyer do Teatro Opus – 4º andar – Shopping Villa-Lobos
Av. das Nações Unidas, 4777 – Alto de Pinheiros – São Paulo, SP.
De terça a domingo, das 12h às 20h

OUTROS PONTOS DE VENDA – COM TAXA DE SERVIÇO
Uhuu
Site: www.uhuu.com
Atendimento: falecom@uhuu.com
Formas de pagamento: Amex, Aura, Diners, dinheiro, Hipercard, Mastercard, Visa e Visa Electron


Corciolli - Teclas & Afins

Para saber mais sobre todos os instrumentos de teclas e ficar por dentro de todas as novidades do mundo da música, acesse a revista digital gratuita Teclas & Afins, clicando aqui!

Para acessar, faça login ou se cadastre gratuitamente!

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório