Caixa Cultural São Paulo apresenta o Quinteto Persch


Compartilhe!

Quinteto PerschDias 24, 25, 26 e 27 de agosto de 2017, de quinta à domingo, às 19h15, a Caixa Cultural São Paulo apresenta o Quinteto Persch, cinco acordeons interpretando belas composições brasileiras, com participação especial do acordeonista e compositor Toninho Ferragutti. A entrada é franca e o patrocínio do show é da Caixa Econômica Federal e do Governo Federal

 

 

Formado pelos músicos Adriano Persch, André Machado, Daniel Castilhos, Ezequiel de Toni e Luciano Rhoden, o Quinteto Persch apresentará obras de importantes compositores brasileiros – Henrique Alves de Mesquita, Carlos Gomes, Radamés Gnattali, Ernesto Nazareth, César Guerra-Peixe, Ernani Aguiar, Otavio de Assis Brasil e Toninho Ferragutti -, algumas delas registradas em álbum, o terceiro da carreira deste importante grupo de acordeonistas gaúchos. Lançado em 2015, o CD Brasileiríssimo foi imensamente reconhecido pelo Prêmio Açorianos de Música 2015, tendo conquistado cinco troféus nas categorias Melhor Arranjador (Adriano Persch), Melhor Álbum Erudito, Melhor Instrumentista e Melhor Intérprete (Quinteto Persch), Melhor Compositor (Toninho Ferragutti).

O Quinteto Persch iniciou suas atividades em 1999, em Porto Alegre, tendo como objetivo difundir o acordeon por meio da música de câmara, demonstrando sua versatilidade e propondo-se à exploração do instrumento com repertório erudito.

Completa, em 2017, 18 anos de atividades ininterruptas e é o único grupo no país com essa formação instrumental de música de câmara e com proposta artística exclusivamente voltada ao acordeon. Durante estes anos, o quinteto participou de concertos em teatros, auditórios, programações de universidades e grupos orquestrais como a Orquestra de Câmara Fundarte, Orquestra de Câmara da ULBRA; festivais de música como o XXII Festival Internacional de Música de Belém do Pará, II Festival Internacional SESC de Música de Pelotas – RS, II Festival Internacional de Acordeon – MG e o III Festival Internacional da Sanfona – Juazeiro – BA. O grupo foi contemplado no Projeto Petrobras Cultural 2007 com a gravação do seu primeiro álbum, pelo qual recebeu, em 2009, o Prêmio Açorianos de Música, promovido pela Prefeitura Municipal de Porto Alegre – RS, como melhor álbum do gênero erudito, categoria instrumentista.

Foi vencedor do Prêmio Circuito Funarte de Música Clássica 2010, para a realização de turnê na região nordeste do Brasil. Também em 2010, foi selecionado para apresentar-se na 3ª Feira Música Brasil, realizada em Belo Horizonte – MG. Em 2011, o Quinteto Persch foi selecionando nos editais nacionais do BNDES, para apresentar-se no Rio de Janeiro, e da Caixa Cultural Brasília.

Lançou, em 2012, o segundo CD de sua carreira, com músicas de Astor Piazzolla, Lèon Boëllmann, Antonio Vivaldi e Ivano Battiston. Recebeu também o “Prêmio Funarte de Concertos Didáticos 2012 e 2014”, para a realização de concertos em várias escolas públicas do país.

Realizou, em 2013, através do Programa de Intercâmbio do Ministério da Cultura, oficinas e concertos nas cidades de Salto e Montevidéu – Uruguai.

Lançou, em 2015, o terceiro CD, Brasileiríssimo, no qual interpreta obras de Toninho Ferragutti, Radamés Gnattali, Guerra-Peixe, Ernani Aguiar e Villa-Lobos.  Desde então, o Quinteto Persch, tem se dedicado à divulgação desse trabalho, que agora chega à capital paulista com o patrocínio da Caixa Cultural.

 

 

Adriano Persch

Formado no Curso de Graduação em Música: Licenciatura – Universidade Estadual do Rio Grande do Sul – UERGS, possui especialização em Educação a Distância – EAD/SENAC. Integra, desde 1996, o quadro de professores da Fundação Municipal de Artes de Montenegro – FUNDARTE (RS). Estudou acordeon com o Professor Oscar dos Reis, de Caxias do Sul. Foi coordenador do 1º e 2º Encontros de Acordeonistas – FUNDARTE e já se apresentou em inúmeros concertos com grupos, festivais e encontros de música.

 

Toninho Ferragutti

Considerado um dos mais inventivos e talentosos acordeonistas em atividade, é também compositor e arranjador, possuindo extensa participação em centenas de CDs e shows de artistas importantes do Brasil e do exterior. Tem, em sua discografia, dez CDs solo e em parceria com outros instrumentistas, com indicações ao Grammy Latino (anos 2000, com o CD Sanfonema; e 2014, com o CD Festa na Roça), Prêmio Tim, Prêmio Governador do Estado de São Paulo, Prêmio da Música Brasileira (indicação como melhor instrumentista, em 2014). Recebeu o Troféu Açorianos de Música 2014/2015, da Secretaria Municipal de Cultura de Porto Alegre (RS), como Melhor Compositor Erudito. Seu mais recente CD, A Gata Café, está entre os melhores lançamentos de 2016, na opinião do crítico musical Carlos Calado.

 

Programa

Ernani Aguiar (1950)

Quatro Momentos nº 3

1. Tempo de Maracatu

2. Tempo de Cabocolinhos

3. Canto

4. Marcha

 

Henrique Alves de Mesquita (1830-1920)

Batuque

 

Otavio de Assis Brasil (1984)

À Moda Francesa

O Afiador de Faca

 

Ernesto Nazareth (1863-1934)

Vem Cá, branquinha

 

Radamés Gnattali (1906-1988)

Pixinguinha (Suíte Retratos)

Pé de Moleque

 

Carlos Gomes (1836-1896)

O Burrico de Pau

 

César Guerra-Peixe (1914-1993)

Mourão

 

Toninho Ferragutti (1959)

Nem Sol Nem Lua

Na Sombra da Asa Branca

 

 

Serviço


Quinteto Persch

Local: CAIXA Cultural São Paulo – Praça da Sé, 111 – Centro – São Paulo/SP

Datas: 24, 25, 26 e 27 de agosto de 2017.

Hora: de quinta-feira a domingo, às 19h15

Classificação indicativa: livre

Entrada: franca (os ingressos poderão ser retirados na bilheteria, no dia do espetáculo limitado a um par por pessoa, a partir das 9h)

Informações – Tel: (11) 3321-4400

Capacidade: 80 lugares

Duração: 70 minutos

Acesso para pessoas com deficiência

Patrocínio: CAIXA e Governo Federal

 

 

Ficha Técnica

 

Quinteto Persch

Adriano Persch

André Machado

Daniel Castilhos

Ezequiel de Toni

Luciano Rhoden

 

Direção Musical: Adriano Persch

 

Participação Especial: Toninho Ferragutti (acordeão)

 

Elaboração do Projeto e

Coordenação Geral de Produção

Gisella Gonçalves

 

Produção Executiva

Lígia Fernandes

 

Sonorização e Iluminação

Kiko Carbone (Loop Estúdios)

 

Fotografia: Marcos Muzi

 

Projeto Gráfico: Mauro Aguiar

 

Assessoria de Imprensa:  Miriam Bemelmans (Bemelmans Comunicações)

 

Agradecimentos

Ibare Izolan (Acordeon & Cia – www.acordeonecia.com.br)

Márcia Bertotto (Santander Cultural – Porto Alegre/RS)

Marcos Júlio Fuhr (Fundação Ecarta – Porto Alegre/RS)

Massimo Pigini (Pigini Accordions – www.pigini.com)

Mônica Bertotto (Santander Cultural – Porto Alegre/RS)

Paulo Amaral (MARGS – Porto Alegre/RS)

 

Quer saber mais sobre acordeon e todos os instrumentos de teclas?

Acesse gratuitamente a revista digital Teclas & Afins clicando aqui!

 

Para acessar, faça login ou se cadastre gratuitamente!

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório