Review do Circuit Rhythm


Compartilhe!

O groovebox da Novation é um instrumento baseado inteiramente em amostras com fluxo de trabalho simplificado

Quando a Novation atualizou o tão amado Circuit, o produto foi renomeado como Circuit Tracks. Mas a empresa não parou por aí e ofereceu ao mercado mais uma opção de groovebox: o Circuit Rhythm, que traz vários recursos exclusivos, como amostragem integrada, fatiamento, efeitos e reprodução cromática de amostras, além da drum machine com oito pistas para reprodução e sequenciamento de samples.Resumindo, o Circuit Rhythm é um sampler projetado para produzir grooves. Embora o formato e algumas das funcionalidades espelhem o Circuit, trata-se de amostragem em vez de síntese.

Em termos de hardware, além de um painel superior de cor mais clara e algumas pequenas variações na forma como os controles são rotulados, há muito pouco para distinguir o Circuit Tracks do Circuit Rhythm. Ambos estão alojados exatamente no mesmo tipo de chassi, que é fino e bastante leve, sem parecer frágil. O painel frontal é cinza claro em vez de preto, e alguns dos rótulos nos controles são diferentes. O layout da interface também é idêntico – mantendo a grade de 8 por 4 pads RGB sensíveis à velocidade que cuidam do sequenciamento, ladeados por 28 botões para alternar visualizações e faixas, oito knobs infinitos para alterar vários parâmetros e dois botões dedicados ao volume e ao filtro principal.

No painel traseiro, podem ser encontradas conexões MIDI In, Out e Thru de cinco pinos, porta USB-C para alimentação e conexão ao computador, slot para cartão micros, um conector de clock de 3,5 mm, saída para fone de ouvido, e entradas e saídas estéreo de 1/4 de polegada. A bateria interna recarregável pode durar até quatro horas segundo o fabricante, e o equipamento também pode ser alimentado via USB, o que garante energia suficiente para as mais diversas aplicações e portabilidade suficiente para caber em uma mochila sem comprometer a usabilidade.

Em uso

A base do Circuit Rhythm são as oito faixas monofônicas do sampler, que podem reproduzir o conteúdo incluído de fábrica ou serem preenchidas com novas amostras, via cartão SD ou utilizando as entradas para sampleamento. Além disso, também é possível carregar amostras do Circuit Components para o Circuit Rhythm e reamostrar samples já existentes na unidade. A seleção de sons padrão oferecidas pela Novation inclui bateria acústica, 808s, licks de guitarra, piano elétrico e pads de sintetizador. É um trabalho simples limpar qualquer amostra que o usuário não goste, liberando espaço para uma nova.

O Circuit Rhythm possui uma memória interna generosa com um total de 128 slots de amostras divididos em oito páginas de menu, cada um dos quais com capacidade de amostras de até 32 segundos de duração. As amostras são gravadas em 48kHz/16 bits para que a qualidade seja alta. Apesar de possuir entradas e saídas estéreo, o Circuit Rhythm assim como o Circuit Tracks e o Circuit original, usa samples mono, embora com arquitetura estéreo para mixagem/panorâmica e efeitos. Também existem recursos básicos de edição de amostra.

Usando as macros, você pode ajustar o sample, definir os pontos inicial e final e adicionar um envelope, mas não existem controles sobre pontos de interrupção individuais no envelope, como ataque e decaimento, apenas a forma geral. É também possível dividir um sample em quatro, oito ou 16 slots e editar os pontos inicial e final de cada slice, sem esticar o tempo, sendo necessário ajustar o tempo global para ajustar o loop (e não o contrário). O Circuit Rhythm oferece mais controle sobre o conteúdo dos samples em relação ao Circuit Tracks, que trata as amostras apenas como 1-shot. O Rhythm oferece mais modos e mais maneiras de reprodução de amostra (Slice, Chromatic, Gated, Looped, Reverse Tracks) e mais controles de samples (Start, Length, Slope, filtros High-pass e Low-pass, Resonance Tune, Decay e Distortion).

Na parte traseira, há duas entradas para gravar a saída de qualquer dispositivo, seja o áudio proveniente de sua interface de áudio, do toca-discos, do mixer ou do que quer que seja. O equipamento não traz microfone embutido ou entrada de microfone, então é preciso utilizar uma interface de áudio ou algum outro equipamento para amostrar uma voz, por exemplo.

Assista à demo de Marcelo Gallo!

O processo de amostragem em si é muito simples. Basta selecionar um slot vazio e apertar o botão Record. Pode-se definir um “limite” para acionar automaticamente a amostragem assim que uma entrada de áudio é detectada, o que reduz a necessidade de aparar os pontos de início da amostra. O Circuit Rhythm normaliza as amostras e possui um atenuador que pode ser ligado para domar fontes de áudio particularmente quentes. Os 16 pads inferiores acendem-se suavemente para representar o tempo de gravação e brilham mais à medida que esse tempo é preenchido com cada pad representando 2 segundos. Para parar a gravação, basta apertar Record e aguardar enquanto o Circuit Rhythm salva a amostra. Os botões 2 e 3 podem ser utilizados para ajustar o início e o fim da amostra, que pode então ser cortada, reproduzida, invertida ou o que mais o usuário desejar. Também é possível realizar a amostragem no computador e importar o resultado via cartão SD ou através do software Components.

Sequenciador

Uma bateria eletrônica ou groovebox típico funciona baseado em Patterns, com trilhas de sequência para cada faixa ou canal contido em um único bloco. O Circuit Rhythm funciona com padrões separados para cada faixa, que podem ser mixados e combinados por meio de uma grade de disparo no estilo Ableton. Os padrões podem ser encadeados em sequências mais longas simplesmente mantendo um ponto inicial e final na lista de padrões. (Continua…)

Para ler a matéria completa de Luciano Watase sobre o Circuit Rhythm da Novation, acesse gratuitamente a edição 93 da revista digital Teclas & Afins, clicando aqui!

Luciano Watase

Pianista, tecladista, produtor musical, aficionado por sintetizadores vintage, responsável por produção de som, imagem e suporte tecnológico a obras de arte na empresa SoundsGood e engenheiro de gravação com experiência de mais de 20 mil horas, expert em equipamentos eletrônicos e colecionador de instrumentos digitais.

Para saber mais sobre todos os instrumentos de teclas e ficar por dentro de todas as novidades do mundo da música, acesse a revista digital gratuita Teclas & Afins, clicando aqui!

Para acessar, faça login ou se cadastre gratuitamente!

Login de Usuários
   
Registro de Novo Usuário
*Campo obrigatório